top of page
  • Foto do escritorThe Climate Reality BR

Cartas de Direitos Climáticos pelo Brasil: Morro do Papagaio

Atualizado: 24 de mai.

Como parte de nossas boas práticas de acessibilidade digital, este texto foi disponibilizado como página na web: Cartas de Direitos climáticos pelo Brasil: Morro do Papagaio


Em 18 de Maio de 2024 aconteceu o encontro de lançamento da Carta de Direitos Climáticos do Morro do Papagaio, organizado em parceria pelos projetos Eu Amo Minha Quebrada, The Climate Reality Project Brasil, Global Shapers Hub Belo Horizonte e Engajamundo, em defesa dos direitos climáticos do morro do Papagaio. Esta é a primeira carta de direitos climáticos de um território da cidade de Belo Horizonte - MG.

O evento contou com a presença de moradores do território e facilitadores. Eles debateram os impactos do clima em suas vidas e selecionaram diferentes eixos temáticos para criar demandas que buscam construir um futuro melhor para a comunidade em tempos de emergência climática.


Os eixos priorizados pelos participantes foram: saneamento básico, descarte de lixo, superpopulação de pets, regularização fundiária, endemia de dengue, mobilidade e racismo ambiental. A carta resultante desses debates já está disponível para leitura, e todos são convidados a contribuir para transformar as demandas do documento em realidade.


O Morro do Papagaio, também chamado de Aglomerado Santa Lúcia, é uma favela na região centro-sul de Belo Horizonte, com uma população de 16.914 habitantes, de acordo com o último censo da prefeitura. A área conta com 3.848 moradias, abrigando em média 4,4 residentes por casa, em um terreno de apenas 477.000 m². A história do Morro do Papagaio começa com a união de quatro favelas: Vila Estrela, Vila Santa Rita de Cássia, Vila São Bento (também conhecida como Vila Carrapato ou Bicão) e Vila Barragem Santa Lúcia. A denominação unificada reflete o nome do morro onde as comunidades foram estabelecidas. Todos os bairros vizinhos ao Morro são urbanizados e foram planejados desde a inauguração da cidade no século XIX, como as ruas dos bairros São Pedro e Santo Antônio.


Conheça as demandas e os sonhos do Morro do Papagaio. Leia a carta na íntegra.


Carta de Direitos Climáticos Morro do Papagaio
.pdf
Fazer download de PDF • 292.68MB


69 visualizações1 comentário

1 Kommentar


Júlio Fessô #EuAmoMinhaQuebrada
Júlio Fessô #EuAmoMinhaQuebrada
19. Mai

Mais um importante passo rumo a uma Quebrada Sustentável. 🌱♻️🌎💚

Gefällt mir
bottom of page